Alerta Invasoras !

Atualmente, muitas das plantas que observamos diariamente à nossa volta (nos jardins que frequentamos, no caminho para casa, entre outros) vieram de outras regiões do mundo. Algumas dessas plantas, denominadas exóticas, coexistem com as espécies nativas de forma equilibrada, mas outras há que se desenvolvem muito rapidamente e escapam ao controlo do Homem tornando-se nocivas – estas são designadas espécies invasoras.  Dada a sua capacidade de se reproduzirem persistentemente e formar populações que se mantêm ao longo do tempo, sem a intervenção direta do Homem, as espécies invasoras causam nefastos impactes económicos, na saúde pública, e na biodiversidade.

De forma a alertar para este problema e contribuir para a divulgação de informação sobre as plantas invasoras, o Programa Eco-Escolas uniu-se à equipa INVASORAS.PT, para lançar este novo desafio do ano letivo 2020-2021.

Objetivos
  • Contribuir para a ligação à natureza pela comunidade educativa e promover a sua cidadania ativa e pensamento crítico
  • Conhecer e dar a conhecer as espécies invasoras que ocupam os espaços exteriores regularmente frequentados
  • Desenvolver um projeto de aprendizagem ativa em trabalho de campo
Metodologia

Desenvolver um póster e um flyer criativos que alertem para o tema das invasões biológicas e que levem a mensagem a todos os cidadãos, à população local ou a outros grupos-alvo que seja importante sensibilizar.

Serão valorizados os trabalhos que divulguem o perigo das novas espécies invasoras que entraram/começaram a dispersar em Portugal há menos tempo, nomeadamente das espécies de ALERTA cuja dispersão é urgente evitar, assim como trabalhos relacionados com a espécie em destaque deste ano, a erva-das-Pampas.

Passo 1 – Identificar o público com quem pretendem comunicar o problema das invasões biológicas (por exemplo: cidadãos que passam no jardim municipal, amigos nas redes sociais ou elementos da comunidade escolar);

Passo 2 – Identificar a mensagem principal que querem passar para esse público (escolham uma mensagem relevante e que contribua para sensibilizar o vosso público sobre o problema das invasões biológicas em geral ou sobre uma espécie invasora ou área invadida em particular);

Passo 3 – Elaborar um póster (tamanho A2) e um flyer A4.

Passo 4 – Divulgar o trabalho realizado junto do público-alvo.

 

Destinatários

Todos os graus de ensino. O Projeto pode ser realizado por crianças e jovens de qualquer idade.

Informação Solicitada para Concurso

– upload dos ficheiros do póster e flyer ou digitalização dos mesmos, com boa resolução (formatos .pdf, .jpeg, .tif)

– Memória descritiva (apresentação do trabalho, investigação sobre o tema, envolvimento dos alunos, identificação do público-alvo, etc)

– Registo fotográfico ou links de divulgação do trabalho realizado. (Máximo 8 fotos)

[Nota: A participação neste desafio será contabilizada para participação no Desafio 4 das Invasoras.pt. Saiba como participar nos restantes desafios aqui.]

Prazos 

Até 28 de fevereiro: inscrição na atividade na Plataforma Eco-Escolas
Até 30 de maio: submissão dos trabalhos.

Todos os trabalhos

 

Destinatários
Todos os graus de ensino. o Projeto pode ser realizado por crianças e jovens de qualquer idade.

 

Projeto em parceria com:

Sobre o desafio:
Inspiração

 

Canal Youtube Invasoras:

Ligações úteis

Plantas invasoras em Portugal (http://invasoras.pt/).