Poster Eco-Código

Objetivos

O Concurso Nacional Eco-Código pretende estimular a participação e a criatividade dos jovens envolvidos no Programa Eco-Escolas através da produção de um trabalho de comunicação: o poster.

O Eco-Código corresponde a um dos elementos do programa: o 7º passo da metodologia proposta. O Eco-Estudante deverá conseguir identificar um conjunto de atitudes e comportamentos conducentes à melhoria do ambiente na escola, em casa e na sua região.

O Eco-Código deverá expressar uma declaração de objetivos, traduzidos por ações concretas, que todos os membros da comunidade deverão seguir, constituindo assim o código de conduta ambiental da escola. Todas as escolas candidatas à Bandeira Verde devem ter o seu Eco-Código divulgado na escola, preferencialmente no Regulamento interno.

A opção de apresentar o Eco-Código em forma de poster visa facilitar a comunicação e divulgação dos princípios que cada Eco-escola se compromete a respeitar.

Deverá tratar-se de um trabalho coletivo, onde o envolvimento e participação dos alunos é fundamental. A estratégia de elaboração do Eco-Código será da responsabilidade do Professor Coordenador do Programa em cada escola. O(s) Eco-Código(s) deverão ser discutido(s) pelo Conselho Eco-Escola.

 

Quem pode concorrer

Ao Concurso Nacional Eco-Código 2019 podem concorrer todas as escolas inscritas no Programa Eco-Escolas 2018-2019.

Serão considerados 2 escalões:

  • Escalão 1: Pré Escolar e 1º ciclo.
  • Escalão 2: 2º, 3º ciclos do Ensino Básico, Secundário, Profissional ou Superior.

NOTA:  A participação neste concurso não necessita inscrição.

Prazos

Todos os trabalhos para a edição de 2019 devem ser entregues em mão ou enviado pelo correio para a Associação Bandeira Azul da Europa data a definir

O júri reunirá durante o mês de julho de 2019, sendo a sua decisão anunciada no final do mês.

Os prémios atribuídos às escolas serão entregues no “Dia Bandeiras Verdes 2019 Galardão Eco-Escolas” no início do ano letivo 2019-20.