Formação Online – Alerta ao Sal!

O projeto Alimentação Saudável e Sustentável, concretiza-se através de um conjunto de desafios, que pretendem motivar as crianças, jovens, professores e famílias para um maior conhecimento acerca de questões relacionadas com a alimentação saudável e sustentável, levando a que as pessoas se tornem mais recetivas a alterações nos hábitos e nas suas rotinas diárias e que tenham prazer em cozinhar em família.

Neste sentido a Associação Bandeira Azul da Europa, em parceria com Rui Lima, da DGE, e a especialista em plantas silvestres e aromáticas, Fernanda Botelho, convidou professores Eco-Escolas, alunos e famílias a participarem numa sessão formativa sobre o consumo exagerado de sal. Estes dois profissionais alertaram para os malefícios relacionados com o consumo exagerado de sal e alternativas para o substituir na confeção das refeições.

Data: 15 de maio às 15:00

Local: Sessão Online no youtube, canal ABAE: https://www.youtube.com/c/ABAE-FEE-Portugal

Duração: Cerca de 1h00

Saiba mais sobreo o Projeto: Alimentação Saudável e Sustentável

 

A quem se destina:
Professores, alunos, famílias e outros.

Apresentações disponibilizadas:

Fernanda Botelho

Rui Lima

 

Vídeo da Formação na Íntegra:

 


Formadores:

Rui Lima  ->Técnico Superior da Direção-Geral da Educação.Coordenador da Educação para a Saúde na DGE, autor de diferentes documentos, nomeadamente em Orientações sobre a oferta alimentar em meio escolar.
Representante do ME em diferentes Comissões e Estratégias Nacionais, nomeadamente na Estratégia Nacional de Promoção da Alimentação Saudável.

 

Fernanda Botelho -> Estudou plantas medicinais na Scottish School of Herbal Medicine.Viveu 17 anos em Inglaterra onde fez formações em Botânica , Fitoterapia e  Pedagogia.
Tem o curso de guia de jardim Botânico da Universidade de Lisboa, colabora com o Programa Eco-Escolas e é autora de uma coleção de livros infantis “Salada de Flores”, “Sementes à Solta” e “Hortas Aromáticas.
Publica anualmente, desde 2010, uma agenda de Plantas medicinais. Escreveu “Uma mão cheia de Plantas que curam” e “As Plantas e a Saúde”. Organiza passeios e workshops de reconhecimento de plantas a convite de várias associações, escolas e municípios. É uma das fundadoras do grupo Sintra sem Herbicidas, participa em blogues e revistas e é convidada regular da RTP. Gosta de fotografar, escrever e comunicar.

 

 

 

X